Meditação para iniciantes

______________________________________________________________

Um iniciante é aquele que tem anseio interior

por se tornar algo sempre mais divino,

sempre mais iluminado

e sempre mais satisfatório.

– Sri Chinmoy

Meditação para iniciantes – por quê?

A inspiração para escrever estas páginas veio durante uma das minhas manhãs. Eu sempre medito como a primeira coisa do dia. Num certo dia, eu não estava tendo uma boa meditação, mas ainda sim estava olhando para a foto do meu Mestre.

Eu parei e pensei justamente que a meditação é a coisa que me deixa mais feliz. Eu gosto dos meus amigos, dos meus hobbies, de uma boa refeição, de comprar algo novo. Mas, se eu tivesse que escolher qual é a coisa que me deixa mais feliz, seria, certamente, os momentos de silêncio diante do meu altar, todos os dias, de manhã cedo. É uma felicidade completa, que não consigo em nenhum outro lugar.

É isso o que gostaríamos de compartilhar com vocês neste site.

Patanga Cordeiro

Hoje você pode ser um iniciante na vida espiritual, mas não sinta que será sempre um iniciante. Em algum momento todos foram iniciantes. Se praticar concentração e meditação regularmente, se for realmente sincero em sua busca espiritual, estará destinado a obter sucesso.

Sri Chinmoy

Meditação para iniciantes

Play video

Passos para um iniciante aprender a meditar

Tudo o que escrevemos aqui é para a sua inspiração. Mesmo que não entenda algo ou pareça difícil agora, não se preocupe. Com alguns dias de prática, você entenderá tudo.

Aproveite as dicas, vídeos e inspirações que separamos para compartilhar com vocês.

O importante é realmente querer meditar

O primeiríssimo passo você já deu. Se não tivesse, não estaria aqui. O primeiro passo é querer.

O motivo não importa. Algumas pessoas buscam a meditação porque sentem que as coisas do dia a dia não trazem satisfação completa. Outros, porque têm insônia. O que importa, é que algo em você o está levando a uma busca. E essa força que o move, irá garantir que você seguirá adiante e será bem sucedido.

Tipos de meditação para iniciantes

Existem diferentes tipos de meditação – meditações em silêncio absoluto, com música, guiadas etc.

Existem também diferentes grupos compartilhando o ensino de meditação. Você deve escolher aquele que lhe inspirar a mergulhar tão fundo quanto possível, quanto a sua alma espera de você. Nem sempre a comodidade é um bom compasso para escolher algo tão importante.

Agora é com você.

DSC_5596


No momento em que quer fazer progresso constante e contínuo, no momento em que deseja superar-se constantemente e entrar no Além sempre-transcendente, você se torna um eterno iniciante.

Dicas para principiantes na meditação

Vou deixar aqui muitas dicas para ter uma boa meditação. Se for tentar fazer todas elas ao mesmo tempo, talvez nem consiga começar a meditar e só fique pensando na postura. O importante é começar. As dicas são apenas um auxílio. Recomendo ir agregando uma por vez, quando sentir que está acostumado. A partir daí, a sua alma toma responsabilidade e lhe ensina a manter uma postura adequada.

Postura


A postura deve ser ereta. Seja em pé, sentado no chão ou numa cadeira, ajoelhado ou de pernas cruzadas, é importante que a coluna fique ereta. A única postura proibida é deitada. Ao deitar, dizemos ao corpo que é hora de descansar. Meditação e relaxamento são opostos.

Dentre as posturas possíveis, recomendamos sentar no chão, na ponta de uma almofada, de pernas cruzadas.

Começando com a coluna lombar, tente deixar a coluna natural e confortavelmente ereta, até o pescoço e a cabeça. Para muitas pessoas, ajuda deixar o queixo um pouco para baixo.

flor iniciantes meditação

sol poente manha matinal

Respiração


Quando inspirar, inspire de forma suave, mas integral. Vá tornando a respiração mais plena, usando os músculos do abdômen para expirar, sendo que a inspiração vem com o seu relaxamento. Deixe todo o seu corpo sem tensões, mas vigilante. Não é que você vai relaxar a ponto da sonolência. Você vai tirar a tensão desnecessária, mantendo-se interiormente alerta. Sobre a intensidade, diferentemente da Hatha Yoga (que possui exercícios vigorosos também), para nós, o intuito é fazer com que a respiração deixe o nosso corpo na vibração mais serena possível. Com essa serenidade, vamos praticar o exercício de meditação.

Dica para quem já está mais avançado: um truque usado na Índia era colocar um fio na ponta do nariz, preso com cera de abelha. A respiração teria que ser tão suave que o fio não se mexeria com o inspirar e expirar. Veja também exercícios de respiração para meditação.

Horário


O melhor horário para meditar é de manhã bem cedo, antes de começar o dia. De preferência às seis da manhã, ou antes. Mas, para quem está iniciando, só tente começar a meditar antes de tomar café da manhã ou se arrumar para sair de casa.

O segundo melhor horário para meditar é à noite, no fim do seu dia.

Tome uma ducha


Para meditar bem é importante estar bem acordado e com a consciência física limpa. De manhã cedo, quando acordamos, estamos sempre um pouco sonolentos. A água ajuda o corpo a ficar bem desperto. Ou, no mínimo, lave bem o rosto e em especial as orelhas, com água fria.

À noite, quando voltamos para casa após um dia de estudo ou trabalho, o banho ajuda a retirar todas as impressões que absorvemos durante o dia, para que possamos voltar a ser “nós mesmos” na nossa meditação.

Espaço para meditação


Também é ideal ter um espaço reservado só para a sua prática de meditação.

Pense em quando você entra em um templo ou igreja. No que você pensa imediatamente?

Agora pense em quando você entra na cozinha ou na sala de TV. Que tipo de coisas vêm à sua mente?

O ideal mesmo seria ter um quarto só para meditação e espiritualidade. Na prática, normalmente não temos um espaço tão grande disponível em casa. Assim, o que eu faço e outras pessoas fazem, é reservar um canto do quarto para a meditação. Tão logo você se sentar ali, irá sentir vontade de meditar.

9488016882_b6a048dff5


O que você está esperando?

A luz exterior aguarda ansiosa

Para mostrar-lhe o caminho,

E a luz interior o aguarda incondicionalmente

Para ajudá-lo a alcançar

A Meta transcendental.

Sri Chinmoy

flor meditaç


(…) uma pessoa não é uma iniciante para sempre. Com o tempo, o buscador se torna mais e mais avançado na vida espiritual e mais e mais imune às forças do seu passado.

Altar para meditação


Se tiver um altar para meditação, isso será de grande auxílio. Primeiro, quando você se sentar diante do seu altar, o altar exterior lhe lembrará o altar que tem dentro do seu coração, o altar interior. Assim será muito mais fácil meditar.

Segundo, durante o dia, quando olhar para o seu altar, você se lembrará da sua busca interior.

Como fazer um altar?

Coloque nele uma vela acesa (quando você estiver lá), incenso, foto do seu Mestre (se você tiver), flores etc. A chama da vela lembrará você da sua chama interior, que brilha forte, subindo ao alto. O incenso ajuda a purificar o ambiente e inspirará você a meditar. A foto do seu Mestre lembra você da sua meta final e da segurança que ele lhe passa. As flores que vemos, inspiram a perfeição e beleza interior em nós.

Algumas possibilidades de altares para iniciantes, do mais simples ao mais avançado:

  • Caixa de papelão com um pano bonito por cima
  • Móvel bonito (que tal branco?), limpo, sem coisas nas gavetas.
  • Parafuse uma estante ou prateleira na parede. Há diversas prateleiras inclusive prontas, bem baratas, para vender nas lojas. Até peças de mármore você encontra por 20 reais. É como eu tenho no meu quarto.
  • Quarto para meditação onde você não entra de calçados, nem sem tomar banho, nem deixa as roupas ou mochilas que usou durante o dia. Confesso que nem eu tenho isso! Quem sabe um dia?

Meditação em grupo ou coletiva e individual para iniciantes


É importante para um iniciante manter a inspiração individual com o contato semanal com pessoas que tenham o mesmo tipo de busca e método que você. É por isso que ao redor de um Mestre espiritual, frequentemente se forma um grupo de pessoas.

Nosso coração aprende a meditar espontaneamente com a meditação dos outros corações.

No entanto, o mais importante é a sua meditação individual, no primeiro horário da manhã.

altar para meditação
coração sri chinmoy

Purificando a respiração


Antes de começar a meditar, repita “Supremo” cerca de vinte vezes, o mais rápido possível, para purificar a respiração. Sinta que você está realmente se transformando no Alento de Deus. A menos e até que a respiração seja purificada, a mente não vai permanecer unidirecionada. – Sri Chinmoy, do livro Meditação.

Consciência no coração


Para qualquer exercício, lembre-se que o seu coração espiritual é como um jardim florido, muito sereno e divino. Imagine-se saindo do quarto “mente” e indo para o jardim “coração”. Também ajuda se sentir que você respira pelo centro do peito, como se fosse o seu coração que respirasse. E retire a tensão do corpo, contudo, mantendo-se desperto. Para isso, também ajuda respirar de forma plena, mas suave.

Ou então:

“Ao nos concentrarmos, precisaremos sentir que o nosso poder de concentração está vindo do centro do coração e então, subindo até o terceiro olho. O centro do coração está localizado no mesmo lugar em que a alma está. Quando pensarmos na alma nesse momento, é melhor não formar nenhuma idéia específica sobre ela e nem tentar imaginar a forma que ela tem. Apenas pensaremos que ela é uma representante de Deus ou luz e deleite ilimitados. Ao nos concentrarmos, tentaremos sentir que a luz da alma está vindo do coração e passando pelo terceiro olho. Com essa luz, entraremos no objeto da concentração e nos identificaremos com ele. O estágio final da concentração é descobrir a Verdade escondida, última, no objeto que está sendo focalizado.” – Sri Chinmoy, dlivro Meditação.

Meditar de olhos fechados x olhos abertos


De maneira geral, o melhor é meditar de olhos abertos. Quando fechamos os olhos, o nosso corpo pode pensar que é hora de dormir. Assim, a tendência é que tenhamos um descanso ou relaxamento (ou doces sonhos!), pois a nossa consciência diminui. Contudo, a meditação é algo muito além de um descanso: ela é a chave para elevar a nossa consciência, para que nos coloquemos num ramo mais elevado da árvore da vida.

Pode ser que, se você mantiver os olhos completamente abertos, talvez sinta desconforto, e essa postura também não será ideal para meditar. O melhor é você deixar os olhos semi-abertos. (Repare numa estátua do Buddha…) Assim, você está consciente, mas, ao mesmo tempo, voltado para o interior. Essa é a melhor postura.

Objetos de concentração


“Se queimar incenso e mantiver algumas flores em frente ao altar, isso também o ajudará. O aroma do incenso talvez lhe proporcione apenas uma gota de inspiração e purificação, mas essa gota é adicionada ao seu tesouro interior. O mesmo acontece se mantiver uma vela acesa durante a sua meditação. A chama da vela por si só não lhe trará inspiração, mas, quando você a observar, imediatamente sentirá a chama de aspiração do seu ser interior subir alto, mais alto.” – Sri Chinmoy

Para os exercícios de concentração, sugiro usar flores (concentre-se no arranjo inteiro, numa flor só ou mesmo numa única pétala), a chama de uma vela ou o retrato do seu Mestre espiritual.

flor concentração

Chamarei por mim mesmo,

Eu chamarei.

Nos ermos de meu coração, vendo-me,

Amarei a mim mesmo,

Eu amarei.

Eu serei a minha própria busca,

Minha riqueza absoluta.

A jornada de luz suprema começará

No coração da liberdade.

Sri Chinmoy

O choro de uma criança


“Para criar receptividade, tente sentir que você só tem 3 anos de idade – um mero bebê. Você não tem mãe nem pai; simplesmente não tem ninguém para protegê-lo. Está sozinho numa floresta e numa noite bem escura. Tudo à sua volta é escuridão. A morte está dançando bem diante de você, e não há ninguém para ajudá-lo. O que você vai fazer? Você vai clamar a Deus das profundezas do seu coração, com plena sinceridade. Quando essa súplica interior aparece, é certo que o Supremo vai abrir o seu coração e torná-lo receptivo.” – Sri Chinmoy

Mantras e música


Você pode começar a sua meditação entoando mantras ou cantando canções espirituais. Isso vai aquietar a sua mente e trazer uma consciência propícia para a sua existência. Você pode imaginar que está cantando para a sua alma ou para Deus, para sentir a sua proximidade com eles. Eu sempre começo cantando, pelo menos por cinco minutos (e em alguns dias, se pousar em mim o pássaro-inspiração, até meia hora!)

Dificuldades para começar a meditar?


Se a sua mente incomoda você, antes de meditar pode tentar os seguintes truques:

  • Ler por alguns minutos um livro escrito por um Mestre espiritual ou um buscador muito avançado.
  • Fazer exercícios físicos regularmente (5 a 7 vezes por semana)
  • Em casos mais sérios, você pode tentar correr na rua por uns 15-20min antes de meditar de manhã cedo.
  • A dieta vegetariana ajuda muito.
  • É normal que nem sempre tenhamos boas meditações. Para mim, pessoalmente, eu tenho uma ou duas boas meditações na semana ou no mês. O restante do tempo eu sempre me esforço, mas a meditação não vem. Isso é perfeitamente normal para um iniciante.
  • Nunca desista
  • Nunca desista
  • Nunca desista
flor meditação
soul bird sri chinmoy

Curso para iniciantes na meditação

Para quem quiser começar a meditar, temos um curso gratuito para iniciantes. Ele é voltado para quem nunca tentou meditar antes.

técnicas de meditação para iniciantes

Todo buscador é um iniciante


textos de Sri Chinmoy

Do ponto de vista espiritual, todo o buscador é um iniciante. Um iniciante é aquele que tem anseio interior por se tornar algo sempre mais divino, sempre mais iluminado e sempre mais satisfatório. No momento em que quer fazer progresso constante e contínuo, no momento em que deseja superar-se constantemente e entrar no Além sempre-transcendente, torna-se um eterno iniciante.

Se é um iniciante em absoluto, então, deve começar por ler alguns livros espirituais ou escrituras. Eles lhe trarão inspiração. Também é uma boa idéia reunir-se a pessoas que meditam há algum tempo. Elas não estão em posição de ensiná-lo; longe disso. Mas, estarão aptas a inspirá-lo.

No começo, não deveria sequer pensar em meditação. Apenas procure reservar um certo momento do dia onde tentará permanecer calmo e silencioso e, sinta que esses cinco minutos pertencem ao seu ser interior e a ninguém mais. E regularidade é de importância primordial. O que precisa é de prática regular, sempre na mesma hora.

Para um principiante, é melhor começar com concentração. De outra forma, no momento em que tentar fazer com que a sua mente fique calma e vazia, milhões de pensamentos indesejáveis entrarão e não será capaz de meditar mesmo por um segundo. Entretanto, ao concentrar-se, desafiará os pensamentos impróprios que entram em si. No início, pratique a concentração por alguns minutos apenas. Após algumas semanas ou alguns meses, poderá tentar a meditação.

Quando começa a meditar procure sentir, sempre, que é uma criança. Quando alguém é criança, a mente ainda não está desenvolvida. Chegando-se à idade de doze ou treze anos, a mente começa a funcionar num nível intelectual. Mas, antes disso, a criança é toda coração. Uma criança sente que não sabe nada. Não tem quaisquer idéias preconcebidas sobre meditação e vida espiritual. Ela quer aprender de novo, com a sua mãe e com o seu pai.

Primeiro sinta que é uma criança, e então, que está num jardim florido. Esse jardim de flores é o seu coração. Uma criança pode brincar num jardim por horas a fio. Ela vai de uma flor a outra, mas não deixa o jardim, porque obtém alegria da beleza e fragrância de cada flor. Sinta que dentro de si há um jardim e que pode permanecer nele, tanto quanto queira. Assim, aprenderá a meditar no coração.

Permanecendo no coração, logo começará a sentir um choro interior. Esse choro interior, a aspiração, é o segredo da meditação. Quando um adulto chora, o seu choro, normalmente, não é sincero. Mas, quando uma criança chora, mesmo quando chora apenas por um doce, ela é muito sincera. Naquele instante, aquele doce é o mundo todo para ela. Se lhe der uma nota de cem euros, ela não ficará satisfeita; ela só quer saber do doce. Quando uma criança chora, imediatamente, o pai ou a mãe vêm ajudá-la. Se pode chorar das suas profundezas interiores por paz, luz e verdade e se isso for a única coisa que a satisfará, então Deus, seu eterno Pai e eterna Mãe, está destinado a vir e ajudá-lo.

Deveria procurar sentir, sempre, que é tão indefeso quanto uma criança. Sempre que sinta que é indefeso, alguém virá ajudá-lo. Se uma criança está perdida na rua e começa a chorar, alguém de bom coração lhe mostrará onde fica a sua casa. Sinta que está perdido na rua e que há uma tempestade violenta. Dúvida, medo, ansiedade, preocupação, insegurança e outras forças não-divinas lançam-se sobre você. Mas, se chorar sinceramente, alguém virá socorrê-lo e mostrar-lhe-á como voltar para a sua casa, que é o seu coração. E quem é esse alguém? É Deus, o seu Piloto Interior.

A alma de cada pessoa tem uma maneira própria de meditar. A minha maneira de meditar não servirá para você e, a sua maneira de meditar não servirá para mim. Há muitos buscadores cuja meditação não é frutífera, justamente, porque não estão fazendo a meditação que é certa para eles. Se não tem um Mestre espiritual que possa orientá-lo, então, deve procurar nas suas profundezas interiores e obter a sua meditação dos mais profundos recessos do seu coração.

Hoje pode ser um iniciante na vida espiritual mas, não sinta que será sempre um iniciante. Em algum momento todos foram iniciantes. Se pratica concentração e meditação regularmente, se é realmente sincero na sua busca espiritual, está destinado a obter sucesso. O importante é não perder o ânimo. A Deus-realização não vem da noite para o dia. Se medita regular e devotadamente, se pode chorar por Deus como uma criança chora pela sua mãe, então, não terá de correr para a Meta. A Meta virá, colocar-se-á bem à sua frente e o reivindicará como parte dela própria.

O aspirante iniciante


O aspirante espiritual deve ter sempre em mente que ele é de Deus e para Deus. Agora mesmo ele pode ser um buscador em forma de botão, ele pode ser um iniciante; então, para ele Deus não pode e não precisa ser sempre um Deus vivo. Algumas vezes, o aspirante apenas será capaz de imaginar Deus e, algumas vezes, apesar dos seus esforços exteriores, ele pode não sentir a presença de Deus em si mesmo. Algumas vezes, ele até pode esquecer a existência de Deus. Mas, deve ter em mente que tem uma Fonte e essa Fonte é a luz, luz ilimitada, infinita luz. Ele tem mergulhado nos prazeres da ignorância por muitos anos mas, precisa sentir que a sua Fonte não é a ignorância; a sua Fonte é a luz e o deleite. Ele é por essa Fonte e está fazendo um esforço consciente para retornar a Ela. Enquanto o faz, ele manifesta deleite-Deus, aqui na Terra. Embora esteja em ignorância, até certo ponto, ele é sempre para a vida-Deus e ele é sempre para a luz-Deus. Se puder lembrar-se disso, então, haverá um constante sentimento de satisfação na sua vida. Ele sentirá luz, mais luz, luz abundante, luz infinita na sua vida exterior e interior.

A Realidade Altíssima


Para um iniciante, a meditação parece ser a realidade mais elevada, mas, ao se tornar um buscador avançado, descobre-se que a meditação apenas leva à realidade altíssima. Essa realidade é algo a ser realizado ou a se tornar na jornada pelo caminho da meditação. A vida divina não está além de nosso alcance. A satisfação da Divindade aqui na Terra não permanecerá distante, se conhecermos o segredo dos segredos. Tal segredo é tornar-se amor divino, onde o amante e o Amado se tornam um, criação e Criador se fazem um, e finito e Infinito são unidos. Quando a iluminação desperta no ser humano, Deus não mais é uma promessa, mas uma conquista real.

Você pode mudar a sua vida. Não é necessário esperar anos ou mesmo meses para essa transformação. Ela começa no momento em que você mergulha no mar da espiritualidade. Experimente viver a vida espiritual por um dia, um único dia. Você certamente terá êxito.

Hoje você pode ser um iniciante


Guardemos sempre em mente que somos de Deus e para Deus. Hoje você pode ser um iniciante. Talvez Deus não seja uma realidade viva para você. Às vezes, só conseguirá imaginar Deus e, na maior parte do tempo, apesar de seus maiores esforços, não sentirá a Sua presença em você. Quem sabe até mesmo esqueça de Sua existência. Mas todos nós temos uma Fonte, e essa Fonte é a infinita Luz. Se pudermos lembrar disso, teremos um sentimento de satisfação constante em nossas vidas.

Experimentamos a luz através de nosso clamor interior. Quando trabalhamos no mundo exterior para obter riqueza material ou poder, por fim alcançamos sucesso. Se queremos fazer algo ou realizar alguma coisa, temos de nos esforçar para tal. Igualmente, se a meta é ser ou alcançar luz puríssima, então o nosso trabalho é, como uma criança, chorar interiormente por unicidade inseparável com o Supremo.

A luz espiritual não pode ser conquistada através de um anseio forçado e desmedido. Se tentarmos trazê-la forçosamente, além de nossa capacidade, nosso recipiente interior se romperá. Todavia, quando desenvolvemos uma grande receptividade, não importa o quão alto nos elevemos espiritualmente ou quanta luz recebamos das alturas, sempre seremos capazes de assimilar.

Somos todos iniciantes


Se somos sinceros com nós mesmos e sentimos que somos todos iniciantes, crianças, então sentimos que Deus está vindo a nós como uma Criança porque Seu propósito é brincar conosco. Pessoas adultas não brincam, mas uma criança constantemente quer brincar, a toda hora e todo lugar. Se sentimos a necessidade de sempre permanecer como crianças, então Deus pode vir a nós na forma de Criança; hoje Ele é o eterno Brincalhão em Seu eterno Jardim; hoje Ele brinca com nossos desejos, amanhã Ele brincará com nossa aspiração, e no dia depois de amanhã Ele brincará com nossa realização.

Impossível para um iniciante?


Rezar para que a Vontade de Deus seja feita é a mais alta forma de oração. Mas um iniciante acha que é quase impossível rezar para Deus sinceramente, para satisfazê-Lo ao Seu Próprio Modo. Cedo pela manhã, um iniciante deve dizer a Deus, “Deus, eu quero ser Sua criança incondicionalmente entregue.” Então no próximo momento, quando o ciúme, insegurança ou orgulho entrar nele, sua auto-oferenda se tornará toda incondicional. A todo instante o buscador diz, “Deus, cedo pela manhã eu rezei para Você tão sinceramente para satisfazer Sua Vontade em mim, mas Você não escutou minha oração. De outra forma, eu teria estado acima do ciúme, medo, dúvida, ansiedade e apego.”

Responsabilidade dos iniciantes

Aqueles que são discípulos meus não precisam de meditações especiais, porque eu fiquei responsável pela meditação deles. Como? Simplifiquei a questão. Existe uma fotografia de mim na minha mais alta Consciência Transcendental. Um buscador deveria meditar sempre no que lhe dá mais inspiração. Como sou o Mestre deles, meus discípulos conseguem inspiração abundante meditando nesse retrato. Se alguém olha para a fotografia com amor, alegria e devoção, não importa o quão iniciante ele seja, não importa qual caminho ele seguiu antes; só porque a pessoa é uma buscadora, minha consciência interior abrirá a porta para ela. No nosso caminho, se alguém se concentra devotadamente por alguns minutos a cada dia e entra no meu terceiro olho, então eu me responsabilizo pela meditação dele. Na meditação em casa, se o buscador estiver na minha sintonia, imediatamente sentirei que uma voz está vindo de dentro, me dizendo que aquela pessoa meditou em tal hora e assim por diante.

Iniciantes recebendo inspiração dos outros


Não é necessário para o buscador passar por todos os enganos até alcançar a verdade. Se um discípulo é um iniciante e encontra um buscador avançado – um buscador realmente avançado, e não apenas um que seja discípulo há muitos anos – então o discípulo avançado, poderá ser capaz de aconselhá-lo a partir de suas próprias experiências. É como a mãe e o filho. A mãe diz ao filho para não tocar na chama, pois ela sabe, a partir da própria experiência, que tocar na chama causa dor. A mãe já tocou na chama antes e queimou seu dedo; então ela fala com experiência. Se a criança pensar que a mãe está mentindo, não se beneficiará da experiência dela e tocará na chama. Assim, tal como a criança, que pergunta à mãe o que aconteceu quando ela tocou a chama, um iniciante na vida espiritual aconselha-se com um buscador avançado. O iniciante reconhece o buscador como avançado, por ver que este leva uma vida disciplinada e divina; ele é um exemplo para o iniciante.

Ao ser aconselhado por um buscador avançado, o iniciante irá alcançar sua meta mais rapidamente, da mesma forma que os pais ajudam seus filhos a se tornarem melhores adultos, ao adverti-los a falar a verdade e a meditar. Um buscador avançado é como um pai ou um irmão mais velho, daqueles que acabaram de entrar na vida espiritual. Se o iniciante for fazer tudo por si mesmo, navegando através de todas as experiências desagradáveis, ele irá perder muito tempo e acabará atingindo sua meta muito mais tarde.

O iniciante na vida espiritual


Não recebemos nosso diploma de Mestrado no jardim de infância. O conquistamos gradualmente, após anos de estudo. De maneira similar, o iniciante na vida espiritual não pode esperar alcançar algo muito significativo imediatamente. Ele deve gradualmente transcender a vida do vital com anos de aspiração e meditação sincera, o estudo interior. Se o aspirante realmente sente que precisa desesperadamente de Deus, se sente que Deus é o único objeto de sua vida, então esse aspirante tem a capacidade de correr muito rápido e, eu diria que ele deve adotar celibato absoluto.

Dieta vegetariana para principiantes


A toda hora, estamos adquirindo a consciência de outras pessoas e objetos. Quando ficamos diante de um Mestre espiritual, adquirimos sua consciência imediatamente, sua vibração. Ele está nos oferecendo o que tem a oferecer. De modo semelhante, o animal nos oferece o que tem a oferecer; e o que ele tem a oferecer são suas qualidades animais. Depende de nós, aceitar ou rejeitar essas qualidades. Para o principiante, portanto, ou para qualquer um que esteja seguindo o caminho espiritual, é aconselhável ter uma dieta vegetariana pura. Isso ajuda de modo considerável.

Um principiante é como uma criança


Um principiante, não importa qual seja a sua idade terrena, tem de sentir que é uma criança. A mente de uma criança não está desenvolvida. É só quando chega aos doze ou treze anos que sua mente começa a funcionar em um nível intelectual e, antes disso, a criança é toda coração. Tudo o que vê sente como seu, identificando-se espontaneamente. Isso é o que o coração faz.

Quando sentir que é uma criança, imediatamente sinta que está no meio de um jardim florido. Esse jardim florido é o seu coração. Uma criança pode brincar num jardim durante horas, indo de flor em flor, sem deixar o jardim, porque obterá alegria da beleza e da fragrância de cada flor. Dentro de si está o jardim, e você pode ficar dentro dele quanto tempo quiser. Dessa maneira você poderá meditar no coração.

Durante a meditação, se você consegue realmente chegar a sentir que só tem o coração ou se consegue sentir que nem sequer tem coração, mas que toda a sua existência, da cabeça aos pés, é a alma, então perceberá que a mente não existe. Todavia, mesmo se não conseguir sentir a presença da sua alma, poderá facilmente sentir a presença e a luminosidade do seu coração. Quando vir luz brilhando no coração ou na alma, saiba que então, transcendeu a mente intelectual. Nesse nível você já entrou na mente iluminada, a qual é bem diferente da mente intelectual e racional.

Quando a luz cresce no coração ou quando a luz sai da alma e penetra em todo o seu corpo, nesse momento, a sua mente fica automaticamente disciplinada. É impossível disciplinar a mente através da esperança. É como tentar endireitar a cauda de um cão. Mas se puder viver na alma ou mesmo no coração, então a luz da existência interior transforma a mente física e a leva a regiões superiores ou faz descer a paz todo-preenchedora, desde as alturas até a densa mente física. Quando a paz desce ou quando a mente sobe ao domínio elevado da luz, a mente automaticamente desaparece.

Se você tem um Mestre que seja uma alma realizada, o seu olhar silencioso o ensinará a meditar. Um Mestre não tem de explicar exteriormente como se medita ou conceder uma forma específica de meditação. Essencialmente, ele meditará em você e o ensinará interiormente como meditar. A sua alma entrará na alma dele e aprenderá com ela. Todos os verdadeiros Mestres espirituais ensinam meditação em silêncio.

Meditação para iniciantes