Meditação Transcendental

meditacao transcendental

 

Levante, acorde, Ó Forma da minha meditação transcendental

 

Levante, acorde, Ó amigo do meu sonho.

Levante, acorde, Ó alento da minha vida.

Levante, acorde, Ó luz dos meus olhos.

Ó Poeta-Vidente em mim,

Manifeste-Se em e através de mim.

Levante, acorde, Ó vasto coração dentro de mim.

Levante, acorde, Ó consciência minha

Que está sempre transcendendo o universo

E a sua própria vida do Além

Levante, acorde, Ó Forma da minha meditação transcendental.

Levante, acorde, Ó divindade presa na humanidade,

Levante, acorde, Ó Libertador do meu coração, Shiva,

E liberte a humanidade do seu sono ignorância.

  • Sri Chinmoy, tradução

Obs: esse poema e a mênção à meditação transcendental mencionados no site não possuem ligação com a prática conhecida como Meditação Transcendental. Trata-se de um uso distinto do termo transcendental no contexto do aprender meditação.

 


Meditações no aspecto transcendental

Seguem abaixo algumas meditações a respeito do aspecto transcendental do divino. São em forma de poemas lindíssimos, todos de autoria de Sri Chinmoy.

 

Levante-se, acorde, Ó amigo do meu sonho.

Levante-se, acorde, Ó alento da minha vida.

Levante-se, acorde, Ó luz dos meus olhos.

Ó poeta-vidente em mim,

Manifeste-se em e através de mim.

 

Levante-se, acorde, Ó vasto coração dentro de mim.

Levante-se, acorde, Ó consciência minha,

Que está sempre a transcender o universo

E sua própria vida do Além.

 

Levante-se, acorde, Ó forma da minha meditação transcendental.

Levante-se, acorde, Ó divindade aprisionada na humanidade.

Levante-se, acorde, Ó Shiva, Libertador do meu coração,

E liberte a humanidade do seu sono-ignorância.

 


 

Ó meu Barco, Ó meu Barqueiro,

Ó mensagem do Deleite Transcendental,

Carregue-me.

Meu coração está sedento e faminto,

E, ao mesmo tempo, dorme profundamente.

Leve meu coração para a outra margem.

A dança da morte eu vejo por toda parte.

O trovão da destruição invencível eu ouço.

Ó meu Piloto interior, Você é meu,

Você é o Oceano da Compaixão infinita.

Em Você eu me abandono,

Meu todo em Você eu abandono.

 


 

Você é belo, Ó Ser Absoluto,

E eu sou o Seu servo.

Na Sua Vitória está a minha vitória,

O meu infinito enlevo.

O meu coração sofreu aflições infinitas para conhecê-Lo.

Por isso eu atiro as flechas do meu veneno-zanga

No Seu Coração.

Liberto dos erros, pensamentos abolidos,

Nenhum desejo agora tenho.

Beleza Transcendental,

Sou o escravo do Seu Néctar-Compaixão.

 


 

Pelo toque de quem o lírio sorri

E abre seu botão-beleza?

A luz-de-lua da beleza de quem

Eu vejo no lírio?

Quem é o Olho de meu olho?

Quem é o Coração do meu coração?

Ora, por que eu não O vejo,

A Sua Face de Beleza Transcendental,

Mesmo nos meus sonhos?

 


 

Às margens do rio azul Jamuna

Muitas vezes eu vi

A forma transcendental do meu coração.

Às margens do rio azul Jamuna

No sono, no sonho e nas horas de vigília

Eu brinquei com Krishna.

Às margens do rio azul Jamuna

Juntos abrimos a porta do Paraíso

Para a libertação do mundo,

Às margens do rio azul Jamuna.

 


 

Silêncio, silêncio, silêncio!

Dentro do meu coração hoje queima

O incenso da transformação.

Silêncio, silêncio, silêncio!

Céu e Terra, finito e Infinito

Implorando pela minha Forma Transcendental.

 


 

Você é belo, Ó Ser Absoluto,

E eu sou o Seu servo.

Na Sua Vitória está a minha vitória,

O meu infinito enlevo.

O meu coração sofreu aflições infinitas para conhecê-Lo.

Por isso eu atiro as flechas do meu veneno-zanga

No Seu Coração.

Liberto dos erros, pensamentos abolidos,

Nenhum desejo agora tenho.

Beleza Transcendental,

Sou o escravo do Seu Néctar-Compaixão.

 


 

Hoje a hora sagrada de Deleite altíssimo

despertou nesta vida.

Hoje tornei-me próximo

da Luz do Supremo.

Não mais a escuridão, escuridão em lugar nenhum.

Além do rio da esperança eu vojo

o Barco do Reino Transcendental.

A escuridão de eras é capturada

E sua rendição se dá

nos mais profundos recônditos do meu coração,

Aos pés do meu sol interior.

 

Pergunta: Você poderia nos falar sobre o valor que há em praticar meditação transcendental?

Sri Chinmoy: Sou a pessoa errada a se perguntar. Não tenho competência para falar sobre isso. Nesta manhã, alguém veio até mim depois de eu dar um discurso e me perguntou sobre outro Mestre. Ele estava segurando um broche com a foto do Mestre e me disse: “Por favor, conte-me algo sobre o meu Mestre.” Eu respondi: “O seu Mestre está dentro do seu coração. Como saberei mais do que você? O seu Mestre está no seu interior, e eu estou fora e, portanto, sou um intruso. Você certamente conhece ele melhor do que eu.” Eu não pratiquei meditação transcendental. Já que nunca pratiquei, não sei nada sobre ela. Qualquer coisa que eu diga estará errada. Eu conheço aquilo que tenho dentro do meu coração ou do meu quarto. Eu posso lhe contar sobre essas coisas. Mas não serei capaz de discursar sobre as coisas que pertencem a outros ou estão no quarto de outras pessoas. Você terá de perguntar à própria pessoa. -Canada Aspires, Canada Receives, Canada Achieves, Part II

2016/Nov – curso de meditação em inglês com o austríaco Dipavajan Renner

dipavajan curso meditarO próximo curso em São Paulo, Rio de Janeiro e Niterói será com o nosso colega da Áustria Dipavajan Renner. Ele dará o curso de meditação em inglês, e haverá tradução. O curso será no início de novembro.

Além de praticar a meditação por mais de 20 anos, ele é um dos principais organizadores da Corrida da Paz.

Para se inscrever, basta acessar a nossa página de contato.

Esperamos que possam crescer e se inspirar com o curso.

Vídeo: Realização-Deus ou Iluminação

Vídeos para meditar e sobre espiritualidade

Transcrição do vídeo e legenda por Sri Chinmoy Centre Brasil

Lista de vídeos selecionados para meditar.

 

Play video

 

Atingimos a realização-Deus através de meditação e oração. Uma pessoa Deus-realizada é aquela que estabeleceu um livre acesso ao Piloto Interior dentro dele.

 

Quando a realização-Deus acontece, a pessoa se torna parte do universo. A consciência universal é revelada. Então como formamos um conceito? As pessoas que nunca viram Deus dizem que, já não viram Deus, por que pensar nele? Se você ver alguém então é fácil pensar na pessoa … mesmo que esteja num lugar distante … ou desejarmos boa vontade, amor e perfeição, e todas essas coisas …

Somos ensinados desde o começo… a alma nos ensinou, nossos pais nos ensinaram que Deus existe.

E quem é Deus? Deus é todo benevolência, afeição e todas as qualidades divinas que temos. Esse é o seu conceito de Deus. Mas se você disser que não tem um conceito de Deus, se você disser que não tem nenhuma ideia de Deus-realização, porque se preocupar? Você alguma ideia de Deus?

 

Deus e realização-Deus são como partes uma da outra – a flor e a fragrância. Se Deus é a fragrância, a realização-Deus é a flor; se realização-Deus é a flor, então Deus é a fragrância. É isso que temos que considerar. Então se você diz que não tem ideia sobre realização-Deus, então como você pode orar e meditar? Eu perguntaria se você tem alguma ideia de Deus? É apenas conceito mental. As pessoas disseram, ou livros disseram que Deus é uma boa pessoa, infinitamente melhor do que nós. Isso é o que estamos tentando emular. Você assimila as boas coisas que Deus tem e é. Similarmente, saiba que na realização-Deus a consciência universal se torna sua. O que acontece no universo? Você pode saber, se quiser. Ou pode não querer. Há milhões e bilhões de coisas que uma pessoa pode fazer. Uma pessoa Deus-realizada faz milhares de coisas, ao passo que um ser humano não conseguirá fazê-las.

Antes da realização-Deus, quando não tinha consciência, eu fazia talvez cinco ou seis coisas. Uma vez que tomei consciência, não houve um único dia em que eu não fiz milhares de coisas no mundo interior. E há outros Mestres espirituais que realizaram Deus que também fazem isso.

 

Eles fazem milhões que coisas, porque não usam a mente. Quando se usa a mente você pode fazer uma coisa, e então vai para a próxima coisa. Ela consegue fazer uma, duas, três coisas, mas não pode fazer todas as coisas ao mesmo tempo. Mas, quando somos Deus-realizados, podemos fazer muitas e muitas coisas. Agora a questão é apenas por que eu não sei ou não tenho ideia do que é Realização-Deus, é impossível para mim em pensar em tal assunto. Antes de você aprender sobre qualquer assunto, você não sabe como será tal matéria. A realização-Deus é assim também.

 

Quando se diz que a realização-Deus não é uma alucinação mental ou algo vago… Lendo os livros saberemos o que é a realização-Deus. Realização-Deus é unicidade com a Vontade de Deus. Não com a minha vontade.

Agora, como sabemos qual é a Vontade de Deus?

É por isso que entramos para a vida espiritual.

 

A criança tem uns docinhos, 10, 20 ou 30 deles.

Estamos todos diante dela,

Implorando para que a criança

Compartilhe conosco seus doces.

Ela não quer compartilhar e vai para cá e para lá.

De repente, a criança vem e está pronta para dar

10 docinhos para uma pessoa, e nada para outra.

O que fazer?

A criança não acredita em igualdade ou algo assim.

Ela olha para o rosto da pessoa

e algo dentro da criança acontece.

Ela lhe dará 1, 2, 3 ou 4 doces,

mas, para o pobre de mim,

a criança olha, mas nada.

Esse sentimento espontâneo da criança,

Deus faz o mesmo.

Se você disser que, assim como é no sistema indiano,

se você orar e meditar por doze anos

durante oito horas por dia, você realiza Deus.

Mas há muitas e muitas pessoas que

oraram oito horas por dia por doze anos…

Mesmo na minha própria família,

o meu irmão mais velho meditou por anos e anos e anos

oito horas por dia, muito mais que oito horas por dia.

Mas Deus não questionou

se eu fiz oito horas de meditação.

Talvez eu tenha feito, talvez não.

Mas não como ele, por anos e anos e anos.

Aqui está o exemplo.

Na minha família houveram muitos

que oraram muito mais do que eu.

Talvez eles não cheguem a dizer que realizaram Deus.

E aqui eu estou me “vangloriando”,

dizendo que realizei Deus.

Então não se sabe como, quando e onde

Deus concederá a realização.

Deus é como uma criança.

A criança dá. Estamos todos aqui implorando

à criança para que nos dê um doce. Ela não dá.

Mas alguém nem pode se interessar se a criança

vai dar um doce ou não,

e a criança vai e dá o doce para essa pessoa.

Só Deus sabe.

Não há uma regra certa.

Se alguém medita por mais tempo

apenas para obter…. não, não.

Não funciona assim.

Ainda assim, se você diz que a meditação de alguém

é muito sincera, muito profunda.

Quem deu a ela essa meditação, essa intensidade?

Foi Deus.

Não podemos criar essa intensidade

com a nossa vontade própria.

É Deus quem dá.

Temos de pergunta a Deus

Porque Ele escolheu alguém na família,

e não outra pessoa.

Certamente eu meditei e orei

mais do que aquela pessoa.

Ninguém consegue manter essa…

Filosoficamente, pode-se dizer

“A sua oração foi sincera.

O Guru não orou por muito tempo.”

Mas Quem deu a ele essa sinceridade

e intensidade?

Voltamos para Deus.

Deus continua sendo a eterna pergunta

e, ao mesmo tempo,

Deus se torna a resposta constante.

A pergunta eterna e a resposta constante.

É Deus.

 

 

 

 

 

 

Vídeo: sobre a música para meditar

Vídeos para meditar e sobre espiritualidade

Transcrição do vídeo e legenda por Sri Chinmoy Centre Brasil

Lista de vídeos selecionados para meditar.

 

EM BREVE

 

00:40 – Sri Chinmoy dedicou sua vida a paz mundial. Ele é um escritor, poeta ,artista, músico, atleta e líder espiritual .

00:49 – Ele se encontrou com muitos líderes mundiais como Papa João Paulo, U Thant, Michael Gorbachev para lhes trazer a sua mensagem de paz. Ele realizou mais de 200 concertos ao redor do mundo. Leonard Bernstein chamou a sua música de “poderosa e incrível”. Sri Chinmoy tem sido chamado de Embaixador da Paz e o primeiro ‘Homem Global do Século XX’. Nesta noite o temos no Westchester Newsline. Sri Chinmoy, somos muito obrigados pela vista, nós agradecemos.

01:16 – Em primeiro lugar fale sobre a sua música. …. Sendo um músico amador, eu bem sei como é difícil praticar e fazer a música sair de você. Mas com você vem naturalmente. Você não tem um treinamento formal (nós mostraremos você tocar o piano em alguns minutos), você compôs mais de 7000 canções, toca vários instrumentos… de onde vem a sua inspiração?

01:39 – Minha inspiração vem da minha aspiração, eu oro e medito. A partir da minha vida-oração e vida-meditação eu obtenho inspiração, e minha inspiração eu ofereço ao mundo com a música, poesia, arte e algumas outras coisas.

02:07 – Tenho notado você tocar piano e, observado suas mãos quando você toca, nem sempre usa seus dedos como um pianista convencional faz. Você usa o lado das suas mãos, etc. Como isso vem a você ?

02:19 – Vem espontaneamente. Como você sabe, eu não faço nenhum treinamento formal, e minha inspiração leva. Quando eu toco, não nos meus dedos em si… o que eu for compelido a tocar no teclado eu faço.

02:42 – Como isso sai de você? Como essa inspiração se manifesta?

02:43 – Vem diretamente do meu coração, do meu coração –aspiração. Como eu disse antes, eu oro ou medito, e algo de dentro toca através de mim. Eu o chamo de Piloto Interior, minha Fonte.

02:59 – Nós mostraremos a você uma curta gravação dos concertos de Sri Chinmoy que tem realizado ao redor do mundo. Nós mostraremos o que é a música dele e como vem do coração. Rodaremos o vídeo de Sri Chinmoy tocando piano.

06:11 – Nós assistimos Sri Chinmoy tocar piano. Ele é um músico habilidoso em vários instrumentos. Quais os outros instrumentos que você toca?

06:12 – Eu toco viola, violoncelo, flauta transversal, instrumentos indianos o esraj, flauta transversa, corne, flauta doce, baixo, …

06:38 – Uma banda de um homem só, eu diria…

06:40 – Eu costumo tocar 27 instrumentos quando faço concertos importantes.

06:47 – Músicos com treinamento formal, como Leonard Bernstein, valorizaram as suas obras, e outros mais conhecidos como Carlos Santana, John McLaughlin, também tem sido inspirados pela sua música. O que você pensa que essas pessoas veem na sua música?

07:08 – Eles talvez veem na minha música simplicidade e pureza, e principalmente um anseio por uma vida melhor.

07:19 – Qual é a mensagem que você tenta transmitir ao viajar o mundo com os seus concertos. Qual é a mensagem que você tenta propagar através da sua música?

07:27 – Através da minha música eu tento oferecer meu sentimento de unicidade, inseparável unicidade. Nós somos todos um, pertencemos a uma família, e a música é a linguagem universal. Não precisamos aprender nenhuma língua estrangeira … basta a música … música do coração para o coração, conversa de coração a coração. Através da música eu tento estabelecer minha unicidade com você e a sua unicidade comigo também.

08:03 – Você disse: “quando expandimos o coração, vemos o mundo todo dentro do seu coração.” O que você quer dizer com isso?

08:13 – Quando nós oramos e meditamos nós entramos na vastidão, especialmente quando meditamos, nós sentimos entrar na vastidão do oceano. Dentro do oceano há gotas como um connjunto de seres humanos individuais. O oceano incorpora incontáveis gotas. A gota é o ser humano individual. Dentro do universo do coração há incontáveis seres humanos e a música tem livre acesso ao universo do coração, no sentido que transcende tempo e espaço.

09:00 – Orações repetitivas são de valia? Uma oração num estilo mântrico?

09:01 – É muito bom. Desse modo, traremos a tona nossas capacidades. Se você repite “Cristo, Cristo, Cristo,” a consciência de Cristo entra em você. Porque você está repetindo “Cristo, Cristo, Cristo, Salvador, Salvador, Salvador”, você não está disponível para pensar em outra coisa , ou algo não divino… nada roubará sua atenção, porque você está focando toda a sua atenção num assunto particular, numa pessoa em particular, no Salvador. Então se você repete a mesma palavra, o mesmo mantra, você está fadado a obter as qualidades da divindade.

09:36 – 09:38 É como um rosário. Como no catolicismo…

09:39 – A mente não ficará vagando. Ela estará focada em apenas uma coisa. A mente é como um macaco, indo daqui para lá, …

09:53 – Você foi referenciado por pessoas como Bernstein e Pablo Casals e tem sido extraordinário nesse campo [da música].

10:00 – Você é extramente gentil comigo. Sou um verdadeiro amante da música e tenho tocado música desde a minha infância.

10:08 – Disseram-me que você leva seus instrumentos consigo ao redor do mundo, e vi que você trouxe a sua flauta ao estúdio. Você poderia tocar, por favor? Você escreveu milhares de composições. Num só ano você escreveu mais de mil composições.

10:25 – A Graça de Deus pode capacitar um ser humano a fazer qualquer coisa que Ele queira. Eu dependo da Graça de Deus, e não da minha capacidade.

10:35 – Poderia dar nos um exemplo por favor?

11:10 – É tão pacífico […] Você sentiu? Você também pinta – quantos milhares de pinturas você foi capaz de fazer?

11:23 – São 140 mil pinturas sob o meu nome, mas, de novo, é a Graça de Deus, e não a minha capacidade. Tenho que ser bem franco nisso.

11:29 – Mas, quando você faz o que tem feito até agora e, ao mesmo, realiza cem concertos da paz grátis em todo mundo, pergunta-se como alguém consegue ter tempo para fazer tudo o que você faz.

11:42 – Onde há vontade, há um jeito. Essa vontade vem da incondicional Graça do meu Amado Senhor Supremo, meu Piloto Interior que verte as suas bênçãos sobre mim e a todo momento tenta Se expressar em e através de mim, de acordo com as minhas capacidades muito limitadas.

12:04 – Você agraciará nossa cidade com fará dois concertos gratuitos, um esta noite e outro amanhã a noite. Será no Centro de Esportes e Entretenimento. Que tipo de concerto será, do que consiste os concertos?

12: 22 – Consiste em música da alma e paz. Não é música da excitação vital, mas sim do despertar do coração. É música devotada e calma. Com essa música tentamos traz à tona nossa capacidade interior, a qual nos ajudará a unir o mundo todo, numa família de unicidade, uma família-unicidade. Isso é o que estamos tentando criar com a nossa música suplicante.

12:56 – Os concertos começarão às 20h? No Centro de Esportes e Entretenimento, hoje e amanhã à noite, e serão gratuitos.

 

 

 

 

 

 

 

 

Aulas de meditação em universidades, escolas, empresas e instituições

meditacao empresa instituicao universidade escola

Ficamos sempre muito felizes em poder compartilhar técnicas, dicas e inspiração para a prática de meditação.

Se você tiver bastante gente interessada (30 ou+) e quiser uma aula (gratuita, claro) de um dia na sua instituição, basta ligar para o Patanga para conversarmos. Podemos dar aulas em faculdades, empresas, escolas, clubes, etc.

Alguns dos lugares que já demos palestras: USP, Universidade Federal do Paraná, Livraria da Vila, Sede Administrativa do Banco do Brasil em Curitiba, etc…

Se quiser saber mais, basta ligar para o Patanga, no telefone (11) 953 956 930, e aí poderemos conversar mais e marcar datas. (Veja também a página de contato)

Tudo o que oferecemos é gratuito.

No entanto, a nossa condição é que os alunos estejam sinceramente interessados. O foco do curso é a autodescoberta e a vida interior. Não temos interesse em fazer eventos para empresas que gostariam que seus funcionários meditassem para reduzir o estresse e aumentar a produtividade.

O pre-requisito para a meditação e, portanto, para os nossos cursos, é um clamor interior sincero por auto descoberta.