Jeitos de sentar para meditar

A melhor resposta que tenho até agora veio do meu professor, Sri Chinmoy: a coluna deve estar ereta. A partir daí, tenho sentido que o resto é acessório. Acessório até porque a meditação não depende completamente das circunstâncias exteriores. Ela acontece quando a nossa aspiração interior se incendeia e sobe alta e brilhante. É aí que as portas interiores se abrem. A aspiração vem do nosso coração e alma, e pode ser instigada pelo Mestre espiritual. No entanto, ela pode ser apoiada por coisas externas. Por exemplo, o corpo saudável, até mesmo um pouco atlético, será um auxílio, uma fundação sólida, para a nossa chama de aspiração que sobe e arde. Igualmente, uma postura adequada pode auxiliar a sua coluna a ficar ereta e o corpo melhor preparado para manifestar a sua aspiração na meditação.

Formas mais comuns de se sentar para meditar:

 

Meditar sentado no chão de pernas cruzadas

Você pode cruzar as pernas e manter a coluna ereta. Você também pode tentar colocar um dos calcanhares sobre a coxa da outra perna. Isso ajuda a ficar mais fácil manter a coluna reta. Outra coisa é sentar-se na ponta de uma almofada, o que rotaciona o quadril para frente e facilita a postura correta. Abaixo alguns acessórios que podem auxiliá-lo:

Almofadas para meditação

Usar uma almofada de meditação ajuda a erguer o quadril. Quando isso acontece, fica mais fácil manter a espinha reta. É por isso que muita gente gosta de usar almofadas para meditar. Escolha uma de altura adequada para você. Cada um prefere uma altura diferente, de acordo com o seu alongamento e outros fatores. Há diversos tipos de almofadas para meditar:

Zafu

Almofada no estilo japonês, redonda, com enchimento de estopa bem compactada. Você deve sentar-se na ponta da almofada, aproveitando o ângulo que o canto arrendondado proporciona para deixar o seu quadril alinhado.

Tijolo de yoga

É um bloco pequeno, de cerca de 30cm x 10cm x 10 cm de espuma bem dura.

Almofada improvisada

Você pode tentar qualquer coisa em casa – o importante é que dê certo para você. Travesseiro, retalho de carpete (é o que eu uso), etc.

 

Banquinhos para meditação

Estilo zazen

Com esse banco, você fica sentado de joelhos, mas o banco apoia o seu quadril. Assim, o peso são fica nas suas pernas.

 

Cadeira

Você pode usar uma cadeira que goste para meditar.

Não há problema nenhum!

 

Banco sentado

Trata-se de uma almofada com um apoio longo de costas acoplado. Algumas são dobráveis e portáteis.

 

Meditação em pé

Como você tem que sustentar muito do seu peso, não posso recomendar meditar em pé em primeiro lugar. Mas, se estiver cansado de sentar, pode tentar ficar de pé um pouco, ou caminhar de uma forma mais meditativa.

Qual é o significado da vida?

mantra Supreme Sri Chinmoy

Qual é o significado da vida? A vida é para a absoluta satisfação de Deus o Criador e Deus a criação.

O significado da vida é tornar-se inseparavelmente um com Deus o Deleite transcendental e Deus a Paz universal.

O significado da vida é alcançar auto-doação incondicional e uma vontade de auto-doação, na Hora de Deus, no florescimento pioneiro do Deus-tornar-se.

Vida significa força de vontade, a força de vontade que une o Sorriso-Compaixão descendente de Deus com o choro-aspiração ascendente do homem. Na vida desejo-limitada há uma abundância de regras e regulamentos. Na vida aspiração-liberta há apenas uma regra-arco-íris: a completa fé em si mesmo e a fé sem nascimento e imorredoura em Deus.

A vida é amor: amor animal, amor humano e amor divino. Amor animal é destruição. Amor humano é frustração. Amor divino é satisfação. E amor é a vida em sua excelência, pois ele é a própria existência-realidade.

A vida precisa ter um sonho e uma meta. O sonho e meta de hoje devem ser transcendidos amanhã. Cada sonho gigantesco do homem é a própria Auto-Transcendência de Deus.

Transcendência é o princípio glorioso da perfeição humana. A perfeita perfeição é uma pura satisfação interior e uma certa satisfação exterior.

Qual é o significado da vida e quem sou eu? Desde o passado longínquo essas duas perguntas permanecem uma só. Quem sou eu? Eu sou a Deus-manifestação incompleta da minha vida.

Sri Chinmoy, A peace-collecting pilgrim-soul, Agni Press, 1980

A chave é a meditação

A espiritualidade possui a chave secreta para abrir a Porda do Divino. Essa chave é a meditação. A meditação simplifica a nossa vida exterior e energiza a nossa vida interior. A meditação nos proporciona uma vida natural e espontânea, uma vida que se torna tão natural e espontânea que não podemos respirar sem estarmos conscientes da nossa própria divindade.

A meditação é um dom divino. Ela é a abordagem direta que leva o aspirante ao Uno de quem ele é descendente. A meditação diz ao aspirante que a sua vida humana é uma coisa secreta e sagrada, e ela afirma a sua herança divina. A meditação lhe proporciona um novo olho para enxergar Deus, um novo ouvido para ouvir a Voz de Deus e um novo coração para sentir a Presença de Deus.

Sri Chinmoy, Meditation: man’s choice and God’s Voice, part 1, Agni Press, 1974

Escrevendo um diário espiritual

diario para escreverUma coletânea de inspiração e um diário para guardar os tesouros do seu dia, com aforismos e textos de Sri Chinmoy e outras personalidades inspiradoras.

Inspirados nos ensinamentos de Sri Chinmoy, organizamos um formato de diário para auxiliá-lo no seu progresso interior.

 

Por que escrever um diário?

… Durante a sua jornada espiritual, você deve fazer anotações sobre as suas experiências, visões e sentimentos alma-iluminadores. Hoje você está perdido, em tenebrosa noite. Mas dois meses atrás estava na mais clara Luz. Você teve uma experiência maravilhosa. Você viu Krishna tocando flauta bem na sua frente, ou viu uma torrente de Deleite, e toda sua existência se tornou um mar de Deleite. Essas experiências devem ser gravadas no seu diário. Tão logo comece a ler o seu diário, o seu ser interior reagirá de acordo com as mais elevadas experiências que teve há dois meses. O sentimento interior, a alegria interior, a alegria da alma espantará imediatamente seus sentimentos desanimadores de desconsolo, solidão e frustração. Sempre que tiver boas experiências, experiências elevadas, experiências elevadoras durante a sua meditação, faça anotações.

Essas experiências são o alento vivente de nossa existência. Se pudermos reavivar nossas mais profundas e elevadas experiências em nosso momento de frustração, teremos alívio imediato. Tais experiências não estão fundadas em falsidade. Nós realmente tivemos as experiências e elas nos curarão da doença que agora nos aflige. Seremos curados no exato momento.

– Sri Chinmoy, Aspiration-Flames

 

Abaixo segue uma página do diário:

 


 

The fruit of Silence is prayer.

The fruit of Prayer is faith.

The fruit of Faith is love.

The fruit of Love is service.

The fruit of Service is peace.

­–Mother Teresa

 

sinto gratidão espontânea no meu coração e por…

_______________________________________

meu dia será inspirador e repleto de aspiração, e eu…

________________________________________

algo que senti, li, etc e quero lembrar para sempre…

_________________________________________

amanhã será repleto de oportunidades para o progresso, e eu…

_________________________________________